ArtRio

Projeto curatorial da ArtRio 2014: Programa LUPA

Desde a primeira edição da Feira Internacional de Arte do Rio de Janeiro, em 2011, os projetos assinados por curadores independentes são destaque na programação do evento. No ano passado, a ArtRio lançou o programa LUPA, um espaço para obras monumentais ou de grande escala, inéditas e/ou desenvolvidas especialmente para a feira (site-specific), com a curadoria de Abaseh Mirvali.

O tema de 2014 será “O que eu gostaria realmente que fosse dito sobre mim, é que eu me atrevi a amar”. O tema faz alusão a duas grandes perdas de 2014: Gabriel García Marques e Maya Angelou. O conceito curatorial é inspirado por artistas que apresentam em suas obras um diálogo entre as tensões decorrentes do desejo de prosperidade e na busca de equilíbrio quando há perda. Uma condução para a mudança, muitas vezes quebrando ou redefinindo regras. E que, em alguns casos, optam pelo não cumprimento das normas estritas das apresentações “artísticas”.

Os participantes alternam entre meios e materiais diferentes para melhor atender suas ideias, permitindo um diálogo mais íntimo com o público, atraindo-o para mais perto. Assim, é possível ter um vislumbre da forma como a arte pode funcionar no mundo real e sua influência sobre o cotidiano de cada um individualmente ou como parte da sociedade.

Os artistas selecionados para o LUPA 2014 são: Lucia Koch e Athos Bulcão (Galeria Nara Roesler), Daniel Acosta (Casa Triângulo), Oscar Murillo (David Zwirner), Jac Leirner (Galeria Fortes Vilaça), Hector Zamora (Luciana Brito Galeria de Arte), Amílcar de Castro (Galeria Marília Razuk), Matheus Rocha Pitta (Mendes Wood DM), Renata Lucas (A Gentil Carioca). O programa vai ocupar área com mais de 1.000 metros quadrados, no anexo do Armazém 4, do Píer Mauá.